Varazim Teatro

O Teatro continua a ser o nosso caminho

Temporada Teatral na Póvoa de Varzim 2017

TEmporada TEatral na Póvoa de Varzim

lde_nolimite-2mar-1
4 de Fevereiro . 22h
Cine-Teatro Garrett

NO LIMITE DA DOR

pelo Lendias d’Encantar

Sinopse:

Quatro histórias que se entrelaçam numa peça que traz aos espectadores de hoje, a experiência vivida por muitos portugueses às mãos da PIDE, durante os anos da ditadura. Uma profunda reflexão sobre a resistência, o medo, a humilhação, a dor e a dignidade do ser humano – esta é a proposta que fazemos ao espectador de hoje, às novas gerações que provavelmente terão dificuldade em compreender a sua real dimensão.

Duas mulheres e dois homens: Georgina, Luís, Conceição e Domingos, transitam durante sessenta minutos ante os nossos olhos, mas não são personagens teatrais, são personagens reais que testemunham através da emoção e da técnica de um grupo de actores, experiências por eles vividas e que nos chamam a atenção para a importância dos ideais, das convicções e da família.

No Limite da Dor é uma peça que colocamos nas mãos do espectador actual, sobretudo pela importância de dar a conhecer e suscitar o debate, sobre as situações colocadas pelas personagens. São, sem dúvida, dados importantes para que possamos preservar uma memória colectiva sobre acontecimentos tão dramáticos vividos pelo povo Português.

Ficha Técnica e Artística

A partir do livro No Limite da Dor, de Ana Aranha e Carlos Ademar

Encenação: JULIO CÉSAR RAMÍREZ

Interpretação: ANA ADEMAR | ANTÓNIO REVEZ

Cenografia: JULIO CESAR RAMIREZ

Figurinos, Grafismo e Fotografia: ANA RODRIGUES

Banda Sonora: JOÃO NUNES e participação de FERNANDO PARDAL

Desenho de Luz e Sonoplastia: IVAN CASTRO

Operação de Luz e Som: IVAN CASTRO

Construção de Cenário: IVAN CASTRO | ANA RODRIGUES

Produção: Lendias d’Encantar

____
INFO ADICIONAL:
Entradas Cine-Teatro Garrett | e online em www.bol.pt e em FNAC, Worten e CTT
**
Reservas a partir do email vt@varazimteatro.org e dos telefones Varazim Teatro 916439009 | 912420129 | Cine-Teatro Garrett – 252090210
**
Entradas: 7,00€ | Com desconto para Estudantes, Reformados, menores de 25 anos e maiores de 65, desempregados, pessoas portadoras de deficiência, grupos de 8 pessoas – 5,00€ |Associados ao Varazim Teatro: 3,50€
__________________________________
a-fada_vt
dias 7 e 8 de Fevereiro
Cine-Teatro Garrett
Duas sessões Diárias para Público Escolar 10h30 | 14h30*
Sujeito a marcação

A FADA ORIANA

de Sophia de Mello Breyner Andressen

adaptação e dramaturgia: Joana Soares
encenação: Eduardo Faria
interpretação: Eduardo Faria, Joana Soares e Joana e Sousa;
música original: Paulo Lemos

Sinopse 

Há duas espécies de fadas: as fadas boas e as fadas más. As fadas boas fazem coisas boas e as fadas más fazem coisas más.” Assim começa a obra e do mesmo modo o espetáculo. E com estas palavras faz-se a ponte para nos sentirmos ligados a esta fada tão humanizada. Nesta história encontramos o dom da proteção sobre os seres mais frágeis que vivem numa floresta, encontramos as tão humanas oscilações entre a solidariedade, o sentido da responsabilidade e o egoísmo e a vaidade. Encontramos, como é próprio de muitos contos tradicionais e para a infância, as peripécias de uma luta entre o bem e o mal.  Com música e sonoplastia original, o espetáculo transporta-nos ao mundo encantado das fadas, revelando que até os seres mágicos têm sentimentos humanos.

Duração 55 minutos (sem intervalo)

Classificação: Maiores de 3 anos

INFO ADICIONAL E RESERVAS: vt@varazimteatro.org | 916439009 | 912420129

__________________________________

p18thpbmp01nod16lmlp6fa1dvm4

dia4 de Março
Cine-Teatro Garrett
Duas sessões  17h | 22h

QUANDO O HOMEM LAVRAVA O MAR

concerto-instalação homenagem aos pescadores portugueses

de Fernando Mota

QUANDO O HOMEM LAVRAVA O MAR é um diálogo entre música, poesia e imagens inspirado no universo da pesca e do mar. Cruzando música original de inspiração tradicional portuguesa com sonoridades mais experimentais, utiliza instrumentos convencionais como a viola braguesa e violinos, bem como objectos sonoros ou elementos da natureza como latas de conserva, berlindes ou água.

Algumas das canções deste espectáculo foram criadas a partir de poemas de Sophia de Mello Breyner Andresen, dos livros Mar, Coral e Navegações. 

Em QHLM será o desenvolvido um processo de colaboração como dois grupos de jovens da Póvoa de Varzim: Coro e Ensemble Musical de alunos da Escola de Música da Póvoa de Varzim, integrando-os em vários momentos chave do espetáculo, envolvendo assim a comunidade nas apresentações aproximando as gerações mais novas de uma profissão ancestral com uma forte tradição no nosso país e de uma forma forte e inquestionável na concelho da Póvoa de Varzim.

Quando o Homem Lavrava o Mar é um espetáculo Musical com uma forte componente visual que pretende homenagear os pescadores portugueses. Um diálogo entre música, poesia e imagens inspirado no universo da pesca e do mar.

FICHA TÉCNICA

Música e Direção Artística: Fernando Mota

Poemas: Sophia de Mello Breyner Andresen

Vídeos e Imagens: Museu Etnográfico da Póvoa de Varzim, Fernando Mota, James Knight-Smith, José Madeira, Michel Giacometti

Interpretação: Fernando Mota, Coro de Alunos da Escola de Música da Póvoa de Varzim (canto, objetos sonoros), Escola de Música da Póvoa de Varzim (Ensemble Musical)

Participação especial em video: Carla Galvão

Direcção e Operação Técnica: Nuno Borda de Água

____

INFO ADICIONAL:
Entradas Cine-Teatro Garrett | e online em www.bol.pt e em FNAC, Worten e CTT
**
Reservas a partir do email vt@varazimteatro.org e dos telefones Varazim Teatro 916439009 | 912420129 | Cine-Teatro Garrett – 252090210
**
Entradas: 7,00€ | Com desconto para Estudantes, Reformados, menores de 25 anos e maiores de 65, desempregados, pessoas portadoras de deficiência, grupos de 8 pessoas – 5,00€ |Associados ao Varazim Teatro: 3,50€

_____________________________________________________

a-cad-luta
8* de Abril . 22h
Cine-Teatro Garrett
*Excepcionalmente no segundo sábado do mês de Abril

A CADEIRA

pelo Créme de La Créme
Sobre o espectáculo
A Cadeira é um espectáculo de Clown, onde se conta a história dum império doutrinado pela Democracia. Ou um sonho, como a própria vida, vivido por uma mulher que passa com a sua pasta e por quem o assiste.
Sinopse
Uma cadeira encontra-se por aí, ela seduz, ela atrai, ela manipula. Ocupa-se, e pronto. Fazemos-lhe o reconhecimento, instalamo-nos. Sabe bem. Eis-nos transformados. Já não faltará muito para que declaremos a sua independência: ela pertence-nos, assim como sempre pertencemos à cadeira. É o território onde todas as ideias se projectam (pois que não se pensa melhor estando de pé, nem carregando um piano às costas). Nós somos a liberdade, a democracia, a paz, o pão, como é que alguém se atreve a roubar-nos a cadeira? Quem, na sua cadeira, não se sentirá ameaçado? É necessário prosseguir?..
Duração 70 min Classificação etária M/12 anos
Ficha técnica
Direcção – Hugo Gama
Interpretação – Anabela Mira
Desenho de Luz – Jochen Pasternacki
Banda Sonora Original – Nuno Cintrão
Fotografia – Vítor Cid / Luís Aniceto
Vídeo – Noelle Georg
Design Gráfico – Francisco Vaz da Silva
Produção – Eduardo Henrique
_______
INFO ADICIONAL:
Entradas Cine-Teatro Garrett | e online em www.bol.pt e em FNAC, Worten e CTT
**
Reservas a partir do email vt@varazimteatro.org e dos telefones Varazim Teatro 916439009 | 912420129 | Cine-Teatro Garrett – 252090210
**
Entradas: 7,00€ | Com desconto para Estudantes, Reformados, menores de 25 anos e maiores de 65, desempregados, pessoas portadoras de deficiência, grupos de 8 pessoas – 5,00€ |Associados ao Varazim Teatro: 3,50€

____________________________________________________

6de 21 a 25 de Abril
sexta a terça sempre às 22h
Espaço d’Mente do Varazim Teatro | Rua da Fortaleza

Tragédia de Prósfygas III. Êxodo

pelo Varazim Teatro

Sinopse:

Um campo de refugiados é instalado na Póvoa de Varzim, para acolher dezenas de famílias que chegaram à europa através da grécia e estão a ser recolocadas em vários países. No campo os refugiados são confrontados com a sua realidade possível em oposição aos sonhos e esperança que os conduziram até aquele local e aquele momento.

Êxodo é a terceira parte da Trilogia de Prósfygas que estreou em Março de 2016, neste espetáculo conheceremos finalmente o destino das personagens (inspiradas em relatos verídicos) e saberemos se conseguiram chegar às terras Europeias desejadas ou se o mar lhes roubou os sonhos e a vida.

Numa apresentação e formato cada vez mais cru, aproximando-se do hiper-realismo que o Varazim Teatro vem explorando nos seus espetáculos. Éxodo aproxima-nos de uma realidade inquietante e de uma transformação inevitável a acontecer neste preciso momento no velho continente.

Sobre a Trilogia:

A Trilogia Tragédia de Prósfygas debruça-se sobre a história de pessoas que sofregamente têm chegado à Europa fugindo dos horrores de um conflito que parece não ter fim.

Recorrendo a relatos verídicos e recriando a estrutura dramática da Tragédia Clássica, Tragédia de Prosfygas é uma trilogia de inspiração clássica, sentimentos universais e factos atuais!

Acreditando que o Teatro e a dramaturgia podem servir para fixar a memória de um determinado momento histórico. Acreditando também, tal como acreditavam os gregos, que ao assistir às apresentações das tragédias, dá-se a catarse e o espetador sai do teatro purificado e transformado.

Tragédia de Prósgygas I. Prólogo teve estreia em Março de 2016

Tragédia de Prósfygas II Episódio teve estreia em Setembro de 2016

Ficha Técnica:

dramaturgia de Joana Soares

direção Eduardo Faria

interpretação: Eduardo Faria, Isabel Marques, Isabel Morim, Isabel Viana, Joana Soares, Joana de Sousa

música original e sonoplastia: Paulo Lemos

Classificação Etária: M/16

Duração Aproximada: 75 minutos

____________________________________________________

_DSC0427

dias 4 e 5 de Maio
Cine-Teatro Garrett
Duas sessões Diárias para Público Escolar 10h30 | 14h30*
Sujeito a marcação

Auto da Barca do Inferno

de Gil Vicente

pelo Varazim Teatro

Representado pela primeira vez em 1517, esta obra, paradigmática do pai do Teatro em Portugal, retrata através de um desfile de personagens-tipo, a sociedade do século XVI, com questões que ainda são de grande pertinência nos dias de hoje.

As personagens apresentam-se diante de duas figuras alegóricas o Anjo e o Diabo, cada um comandando a sua barca, a da Glória e a do Inferno. Os personagens esforçam-se para provar que merecem embarcar na barca do anjo, mas só alguns conseguem a dita salvação.

A corrupção, a mentira, a arrogância, a prepotência, a ganância e a avareza, por exemplo, são postas à prova na frente do espetador, que também exerce o papel de juiz. Exaltando virtudes como a simplicidade, a honestidade e a fé. A obra foi encenada através dos tempos e tem valor universal.

Mantendo a estrutura do Auto e adaptando-o para uma linguagem atual, o Varazim Teatro propõe um espetáculo em que o jogo dramático é realizado a partir da interação com o público. Pelo espetáculo passarão os personagens, com os seus objectos simbólicos e com as suas características bem marcadas. Prometendo diversão, aliada à aprendizagem e contacto com a obra deste grandioso autor português.

Ficha Técnica:
produção: Varazim Teatro
encenação e interpretação: Eduardo Faria e Joana Soares
música original: Paulo Lemos
cenário e figurinos: Joana Soares
vozes: Joana de Sousa, Lídia Almeida
coro dos cavaleiros: António Rebelo, Estêvão Calado, José Luís Sepúlveda, José Maria Carneiro, Maurício Carvalho
desenho de luz: Eduardo Faria
 *

Marcações através dos telefones: 912420129 ou 916439009 (info adicional também por email para vt@varazimteatro.org)

_______________________________________________________
dsc_0531dia 6 de Maio
Cine-Teatro Garrett
Duas sessões  22h

BemMarMeQuer – O Coração é uma Praia

a partir de Mar Me Quer de Mia Couto

pelo Teatro Art’Imagem

Uma adaptação dramatúrgica do texto de Mia Couto “MAR ME QUER” numa encenação em que os protagonistas Luarmina e Zeca num exercício entre a oralidade, bem à maneira africana, e a interpretação actoral, vão reviver factos e vidas dos seus antepassados, trazendo à memória e convocando os seus sonhos, numa viagem pelas águas do Fantástico Literário Miacoutiano.

“Lançamos o barco, sonhamos a viagem: quem viaja é sempre o mar”

Luarmina e Zeca Perpétuo, vivem junto ao mar… Zeca, reformado das pescas sonha “simetricar” se “combinar” com a gorda mulata.

– Somos tão vizinhos Dona, faz conta somos verbo e sujeito…

Luarmina vai aprendendo mil defesas para as insistências namoradeiras de Zeca…

– Me larga Zeca, não vê que eu já não desengomo o lençol… o que eu quero mesmo é que me conte as suas memórias, me fale do seu passado, quero as coisas que foram e como foram. Essas que nos deixam saudade. E Zeca vai desfiando as suas memórias, convoca o seu avô Celestiano e os seus provérbios da ancestral nação Macúa.

Fala das memórias de infância e de seu pai Alberto Salvo-Erro, conta a história de Maria Bailarinha. “Essa ajunta brasas” e desvenda o seu segredo ao falar do grito da gaivota…

– Me persegue essa aguda piação, me rasga as cicatrizes de uma ferida que nunca senti.

Diz o avô Celestiano:
– Quando não somos nós a inventar o sonho, é ele que nos inventa a nós.

Ficha Técnica

» a partir da obra “Mar me Quer” de Mia Couto
» Dramaturgia e Encenação Pedro Carvalho
» Interpretação Flávio Hamilton, Pedro Carvalho e Neusa Fangueiro
» Ilustração, Cenografia, Figurinos e Adereços Sandra Neves
» Desenho de Luz Wilma Moutinho
» Sonoplastia e Desenho de Som Pedro Lima
» Música Rui Lima e Sérgio Martins
» Construção de Cenários Sandra Neves e José Lopes
» Assistente de Ensaios Rui Leitão
» Operação de Luz e Som José Lopes
» Vídeo e Fotografia de Cena Leonel Ranção
» Design Gráfico Moodystudio

» Direcção de Produção Sofia Leal
» Produção Executiva Daniela Pêgo
» Assistente de Produção Ana Teixeira
» Direcção Artística do Teatro Art’Imagem José Leitão

Classificação Etária: M/12
Duração Aproximada: 60m

___

INFO ADICIONAL:
Entradas Cine-Teatro Garrett | e online em www.bol.pt e em FNAC, Worten e CTT
**
Reservas a partir do email vt@varazimteatro.org e dos telefones Varazim Teatro 916439009 | 912420129 | Cine-Teatro Garrett – 252090210
**
Entradas: 7,00€ | Com desconto para Estudantes, Reformados, menores de 25 anos e maiores de 65, desempregados, pessoas portadoras de deficiência, grupos de 8 pessoas – 5,00€ |Associados ao Varazim Teatro: 3,50€

Anúncios

Information

This entry was posted on 19 de Janeiro de 2017 by in Em Cena, Temporada Teatral, Uncategorized.

Navegação

%d bloggers like this: