Fronteiras em Desertos – 2ª Mini-Temporada

net_divulga_fronteiras

a partir de O Sonho de África de Yolanda Dorado
tradução: Joana Soares

encenação: Eduardo Faria

pelo Varazim Teatro

2ª mini-temporada

Cine-Teatro Garrett
22h dos dias 8 e 9 de Janeiro
17h do dia 10 de Janeiro

[TEmporada TEatral 2016 na Póvoa de Varzim]

 


sinopse:
Paz!
A Imensidão do deserto perante os nossos olhos…
Uma mulher árabe faz as suas preces.
Uma mulher europeia caminha.
Num certo lugar, a uma certa hora, no seu deserto, duas mulheres encontram-se.

A partir do universo feminino de cada uma das culturas: árabe e europeia e nos contrastes inerentes quando colocamos em fronteira cada uma dessas feminilidades, fala-se de mulheres para falar de sonhos, de fronteiras que separam mas que também permitem que dois desertos se toquem.

Ficha Artística e Técnica:
interpretação: Joana Soares e Júlia Rodrigues
criação original e música ao vivo: Paulo Lemos

cenografia e figurinos: Joana Soares
desenho de luz: Eduardo Faria

Assistência de encenação: Joana de Sousa

Duração | apróx. 50 min
Classificação Etária | M/12

** A Temporada Teatral na Póvoa de Varzim é programada pelo Varazim Teatro com o Patrocínio da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim e Apoio do Cine-Teatro Garrett**

 

Sobre o espetáculo:

A ideia de fazer o espetáculo Fronteiras em Desertos, nasce a partir das pesquisas em torno dos movimentos migratórios e grandes êxodos – que têm transformado as geografias sociais um pouco por todo o mundo – e que para o Varazim Teatro, seguindo a sua linha de pesquisa e reflexão sobre grandes temas sociais, revelou-se de grande pertinência. Tem para a companhia particular interesse refletir sobre os movimentos de refugiados dos países árabes em cenários de guerra para o velho continente, visto como um oásis de civilização desejada. Fronteiras em Desertos é o antelóquio a uma trilogia que pretende balizar temporalmente três momentos chave nestes movimentos de pessoas. Primeiro – A decisão. Segundo – A viagem. Terceiro – Achegada.

Neste espetáculo, espécie de prefácio, abordamos a imensidão do deserto humano de cada ser face às fronteiras definidas por toda a sua cultura. A partir do universo feminino de cada uma das culturas:árabe e europeia e nos contrastes inerentes quando colocamos em fronteira cada uma dessas feminilidades, fala-se de mulheres, de sonhos e das fronteiras que nos separam.
Construído a partir do texto O Sonho de África (El Sueño de Africa no original) da dramaturga madrilena Yolanda Dorado, a interpretação do texto é feita a partir de toda a fisicalidade contida, quer nas palavras,quer nos silêncios. O texto não é só estrutura, assim como o corpo e o gesto, o texto e a palavra são: intensidade que irá habitar os sentidos. Nos silêncios e nos inter-textos nasce também a música, base cultural e também ela sensória e contadora de histórias – para lá de cada uma das histórias contidas nas palavras.

O desafio de criar um deserto em cena é absolutamente revelador das potencialidades do espaço cénico e dos múltiplos sentidos que este pode conter. O calor intenso, a imensidão gigantesca, a luz imensa.

A vastidão.

O silêncio.

O tempo.

 

*

INFO ADICIONAL:
Entradas disponíveis no Cine-Teatro Garrett
Das 10h30 às 12h30 e das 15h30 às 17h30 de segunda a sexta
A partir das 15h30 nos dias de espetáculo

Novidade: Entradas também disponíveis online em www.bol.pt e em FNAC, Worten e CTT

**
Reservas a partir do email vt@varazimteatro.org e dos telefones Varazim Teatro 916439009 | 912420129 | Cine-Teatro Garrett – 252090210

**

Valor das Entradas: 7,00€
Com desconto para Estudantes, Reformados, menores de 25 anos e maiores de 65, desempregados, pessoas portadoras de deficiência, grupos de 8 pessoas – 5,00€
Associados ao Varazim Teatro: 3,50€

Anúncios